Gado aparece morto nas proximidades do aterro sanitário Titara

Mais de 10 bovinos apareceram mortos nas proximidades do aterro sanitário e industrial da Central de Gerenciamento Ambiental da Titara localizado no povoado Buenos Aires, em Rosário. A causa das mortes ainda é desconhecida e será investigada pelas autoridades competentes que já recolheram amostras para pericia.

O fato é grave porque pode ter relação direta com algum tipo de substancia mortífera proveniente do aterro sanitário Titara, que causou a morte quase instantânea dos animais após ingestão.

Há relatos de moradores locais, que o líquido percolado, também conhecido como chorume, estaria contaminando o solo e lençóis freáticos da região. O igarapé do São Braz que desagua no Rio Itapecuru pode ser um dos mais afetados.

O prefeito de Rosário, Calvet Filho determinou que técnicos da secretaria municipal de Meio Ambiente acompanhem os trabalhos no local e as investigações que estão em andamento, realizadas pela agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED) e pela Polícia Civil.

Deixe uma resposta