APROVADO PROJETO DE LEI QUE VIABILIZA O CASAMENTO COMUNITÁRIO POR INSTITUIÇÕES RELIGIOSAS

De autoria do Vereador Lucas Lindoso, projeto garante às denominações evangélicas as condições necessárias para a realização do Casamento Comunitário Religioso.

Após tramitação regimental, o plenário da Câmara de Bacabeira aprovou o Projeto de Lei nº 020/2021 de autoria do Vereador Lucas Lindoso (PSL), que garante às denominações evangélicas as condições necessárias para a realização do Casamento Comunitário por instituições religiosas.

O projeto de Lei segue agora para o gabinete da prefeita de Bacabeira, Carla Fernanda do Rêgo Gonçalo e deverá ser transformado em Lei – após a sanção da chefe do executivo municipal.

Ao justificar o projeto, Capitão Lucas falou sobre a importância de fortalecer a celebração do sacramento do matrimônio.

“Diversas ideologias recentes têm tentado minar e minimizar a importância do casamento, tratando-o como uma construção social ultrapassada, o que não é verdade, qualquer que seja a religião, todos concordam em descrever o casamento como um projeto divino para a construção da vida em sociedade”, justificou o Vereador.

Na tribuna da Câmara, o parlamentar disse que, “além de ser importante por se tratar de uma condição descrita na Bíblia Sagrada Cristã, o casamento, através de sua Certidão, é um importante instrumento social para aquisição de benefícios – que somente serão possíveis – por meio desse imprescindível documento”, ponderou.

Deixe uma resposta